Busca

Sorvete para cachorroEles já podem ir a spas, hotéis e possuem até grife de roupas. Mas recentemente um novo agrado foi lançado para os cães: sorvete

 

Em tempos de calor excessivo, até os cães passam por apuros. Se os humanos podem se refrescar com sorvetes dos mais variados sabores, por que os animais também não podem? Foi pensando nisso que duas veterinárias de São Paulo, as irmãs Thais e Juliana Mucher, lançaram, em janeiro, um sorvete produzido especialmente para cachorros.

Se por um lado os sorvetes tradicionais causam diarreia, vômito e cáries nos dentes dos animais de estimação, o "Icepet" é uma opção ao forte calor do verão e aumenta a relação cada vez mais cheia de mimos entre os donos e seus bichos.

Thaís Mucher, veterinária e empresária e criadora do “Icepet”, explica como teve a ideia de criar esse produto: “Meu cachorro sempre adorou sorvete, e toda vez que eu tomava eu dava um restinho para ele. Um dia fui a uma sorveteria que tinha vários cachorros e vi que todas as pessoas estavam dando um pouco do seu sorvete para seus cães – e por ser veterinária sei que no sorvete humano tem alguns ingredientes que fazem mal à saúde dos cães –, então tive a ideia de fazer um sorvete específico para cachorro, o qual eles possam comer sem dano algum a sua saúde. Depois disso fiz muitas pesquisas e descobri que o sorvete para cachorro já é sucesso em diversos países”, afirma.

Thaís também explica que o sorvete é feito à base de leite, porém tem menos da metade de lactose de um sorvete comum, e essa quantidade não provoca irritação ao trato gastrointestinal dos cães, além de não ter adição de açúcar e gordura trans.

“Os cães que nunca experimentaram nenhum sorvete podem estranhar o “gelado” na primeira vez, mas depois adoram e consomem com facilidade. Além de ser um petisco, um agrado, o sorvete refresca em dias quentes e após passeios”, explica Thaís.
O sorvete (que possui o selo do Serviço de Inspeção Federal, o SIF) não é indicado para cachorros diabéticos e com hipersensibilidade à lactose, pois possui uma alta quantidade de carboidrato. O produto também não é indicado para gatos, aves, répteis e outros mamíferos.

E para os donos zelosos, que gostam de provar tudo o que dão para seus animais, também não há contraindicação. Mas, assim como os demais petiscos, o sorvete não deve substituir a ração.

Para o futuro, Thaís faz mistério: “Estamos sempre fazendo testes e pesquisas. Há 2 semanas lançamos os sabores chocolate e bacon, e em breve lançaremos outros. Já estamos preparando outras novidades para o próximo verão, mas isso ainda é segredo”, finaliza.

 

 

Thaís Mucher é médica-veterinária e empresária, desenvolvedora do Icepet.


blog comments powered by Disqus

Mais acessadas do mês

Filhote do mês

Prev Next
Mel
Ted
Phiona

Quer ver seu pet aqui? envie uma foto com a historia dele para filhotedomes@idmed.com.br




Receba nossas notícias

Nome
Email


Quem somos|Publicidade|Fale Conosco