yorkshire comendoyorkshire comendo

Quantidade ideal de ração para um Yorkshire: guia completo e prático

Ter um Yorkshire Terrier como companheiro requer grandes doses de amor, carinho e muita atenção. A alimentação é um dos aspectos mais importantes a serem tratados para garantir sua boa saúde e vitalidade.

A quantidade de ração que um Yorkshire deve comer diariamente varia conforme sua idade, peso e nível de atividade física.

Durante a primeira fase da vida do seu cachorro, é essencial prestar atenção na quantidade e qualidade de alimentos oferecidos.

Na idade adulta, as necessidades nutricionais mudam e devemos escolher alimentos adequados para manter o seu peso e o grau de atividade física.

yorkshire comendo
yorkshire comendo

E quando o seu Yorkshire envelhece, é preciso ter ainda mais cuidado e adaptar a sua dieta às necessidades da idade. Neste artigo, vamos compartilhar todas as informações necessárias para escolher as melhores opções de ração e as quantidades ideais para cada fase da vida do seu querido Yorkshire.

Neste artigo, iremos compartilhar com você tudo o que precisa saber sobre a quantidade de ração para um Yorkshire filhote. Fatores que influenciam a quantidade de ração: Quando falamos sobre alimentação, é importante destacar que existem alguns fatores que influenciam a quantidade de ração que um Yorkshire filhote deve consumir. Entre eles estão:

  • Raça
  • Idade
  • Peso
  • Atividade física

Agora, vamos de fato entender a quantidade de ração para cada fase do desenvolvimento do seu cãozinho:

Quantidade ideal de ração para um Yorkshire filhote

Quantidade de ração para um Yorkshire de 2 meses:

No início da vida do filhote, o recomendado é umedecer a ração em água para que seja mais fácil de ser mastigada. O limite será apenas reduzir essa quantidade de água aos poucos até que ao fim deste período você dê apenas a ração seca.

Quantidade de ração para um Yorkshire de 3-4 meses:

Dos 3 aos 4 meses, é recomendável dividir os gramas de ração diários para 4 refeições ao dia, todas de quantidades iguais. Em relação a quantidade de alimento, a dose diária deverá ir aumentando de acordo com as suas necessidades nutricionais.

Quantidade de ração para um Yorkshire de 5 meses:

A partir dos 5 meses de idade, a dose diária de ração para o Yorkshire terá uma queda, pois neste período, os gramas diários deverão diminuir para evitar a obesidade. Por isso, as quantidades que devem ser oferecidas já devem ser ajustadas.

Quantidade de ração para um Yorkshire de 6 meses:

Dos 4 aos 6 meses, devemos dividir o total em 3 refeições diárias e a partir dos 6 meses já podemos proporcionar os gramas diários em duas refeições. Essa mudança é realizada pois ele está em processos de adaptação e aprendizado.

Quantidade de ração para um Yorkshire de 7-8 meses:

Durante este período, a quantidade de ração deve ser ajustada em relação às quantidades já oferecidas até essa fase. Seu veterinário de confiança pode te ajudar com isso.

Quantidade de ração para um Yorkshire de 10-12 meses:

A cada fase, as necessidades do Yorkshire mudam. A quantidade de ração para um Yorkshire adulto deve ser considerada em relação ao histórico alimentar. Com isso, você saberá dizer qual seria a quantidade ideal considerando somente o perfil do seu Yorkie.

Com essas informações, agora você tem uma noção muito melhor sobre a quantidade de ração para um Yorkshire filhote para as diferentes fases de desenvolvimento deles. Lembrando sempre que, caso tenha dúvidas adicionais ou precise de ajuda, é sempre importante contar com um veterinário especializado para te orientar. Além de acompanhar de perto o desenvolvimento do seu bichinho.

yorkshire comendo
yorkshire comendo

Quantidade ideal de ração para um Yorkshire adulto

Nossos preciosos Yorkshires são companheiros fiéis e merecem o melhor tratamento possível. E isso inclui uma nutrição adequada para suprir suas necessidades diárias. À medida que são adultos, seus corpos mudam e suas necessidades nutricionais precisam ser ajustadas de acordo.

Mudanças nas necessidades nutricionais do Yorkshire adulto:

À medida que o Yorkshire atinge a idade adulta, suas necessidades nutricionais mudam. Portanto, é fundamental ajustar a quantidade de ração oferecida e alterar sua composição com base na saúde e estilo de vida do animal de estimação. Os dietistas caninos recomendam que a ração do Yorkshire adulto tenha em torno de 40% de proteínas, 20% de frutas e verduras, 10% de gorduras e uma pequena quantidade de fibras e cereais.

Quantidade diária ideal de ração para o Yorkshire adulto:

Os Yorkshires adultos precisam de menos ração em comparação com os filhotes, pois já alcançaram seu tamanho e peso. Como a raça tem predisposição à obesidade, é crucial controlar a quantidade que eles ingerem diariamente. O controle da porção garante que seu Yorkshire permaneça saudável e magro.

Composição ideal da ração para o Yorkshire adulto:

A dieta ideal para um Yorkshire adulto deve incluir ácidos graxos Ômega 3 e 6, cálcio, fósforo e vitamina E para manter a saúde dos ossos e melhorar a vitalidade e suavidade do pelo. É fundamental escolher uma ração de alta qualidade para o seu animal de estimação. Certifique-se de comprar uma ração que corresponda ao estágio de vida e estilo de vida do seu Yorkshire adulto.

Alimentos a evitar:

Embora seja vital fornecer nutrientes essenciais para um Yorkshire adulto, é importante evitar alimentos que possam ser prejudiciais. Os Yorkshires estão propensos a ter alergias alimentares, e você precisa conhecer os alimentos que seu cão é alérgico e evitar esses ingredientes, que podem estar presentes nos alimentos. Alimentos ricos em sódio, açúcar e amido devem ser evitados, pois podem levar à obesidade, diabetes e outras complicações.

Quantidade de vezes que um Yorkshire deve ser alimentado por dia:

Os Yorkshires adultos geralmente comem duas vezes por dia, embora você possa dividir sua porção diária em três refeições. Eles têm um pequeno estômago e exigem que suas refeições sejam menores e frequentes.

Importância do acompanhamento veterinário:

O cuidado veterinário regular é fundamental para garantir que seu Yorkshire esteja saudável e recebendo nutrição adequada. É vital levar seu animal de estimação para check-ups regulares e garantir que seu veterinário esteja atualizado sobre as necessidades nutricionais do seu Yorkshire. O veterinário pode ajudá-lo a criar uma dieta adequada para as necessidades individuais do seu animal de estimação.

A importância de escolher uma ração de qualidade:

A qualidade da ração que você fornece ao seu Yorkshire é crucial para garantir que eles recebam os nutrientes necessários. A escolha de uma ração de qualidade, projetada para a idade e estilo de vida do seu animal de estimação, pode fazer uma grande diferença na saúde do seu Yorkshire. Portanto, escolha com sabedoria!

Os perigos da obesidade canina:

Os sinais de obesidade em Yorkshires adultos incluem excesso de peso, respiração ofegante e letargia. A obesidade é prejudicial à saúde do seu animal de estimação e pode levar a outras complicações, como diabetes, problemas com as articulações e problemas de respiração. Portanto, certifique-se de controlar a quantidade e qualidade da ração que você oferece ao seu animal de estimação e, não se esqueça de incentivá-lo a fazer exercícios regulares.

Dicas gerais para alimentar um Yorkshire

Alimentar o seu Yorkshire adequadamente é importante para manter o seu peludo saudável e feliz. Além de fornecer a quantidade correta de ração, existem algumas dicas gerais que você deve seguir para garantir o bem-estar do seu cãozinho.

Em primeiro lugar, é importante determinar a frequência de alimentação do seu Yorkshire. O ideal é oferecer comida duas vezes por dia, uma de manhã e outra à noite. Dividir as refeições em duas porções menores assegura que o seu cão não fique com fome entre as refeições e também ajuda a prevenir excesso de peso.

Além disso, certifique-se de oferecer uma ração de alta qualidade que satisfaça as necessidades nutricionais do seu Yorkshire. Consulte um veterinário para obter recomendações específicas e evite comprar ração genérica de baixa qualidade. Os cães precisam de proteínas de alta qualidade, gorduras saudáveis, carboidratos complexos, vitaminas e minerais para se manterem saudáveis. Escolha uma ração que possua esses nutrientes.

O acompanhamento veterinário também é fundamental para a saúde de seu Yorkshire. Realize consultas regulares para garantir que seu cãozinho esteja saudável e recebendo a alimentação adequada. O veterinário também poderá ajudá-lo a determinar a quantidade ideal de ração que o seu cão deve consumir.

Obesidade canina é um problema real e muito perigoso. Alguns efeitos negativos da obesidade em cães incluem problemas nas articulações, doenças cardíacas e diabetes. Certifique-se de não alimentar excessivamente o seu Yorkshire. Resista aos olhares pidões e não ceda às tentações em oferecer petiscos desnecessários e guloseimas inadequadas.

Mantenha-o sempre em uma rotina diária de alimentação e exercícios. Lembre-se, um Yorkshire saudável e feliz é um Yorkshire bem alimentado. Certifique-se de alimentá-lo com ração de alta qualidade, estabeleça uma frequência regular de refeições, faça consultas regulares com um veterinário, e controle a quantidade de comida oferecida para evitar a obesidade.

Com essas dicas gerais para alimentar um Yorkshire, você pode manter o peludo saudável e feliz por muitos anos.

Conclusão

Com todas essas informações, agora você está pronto para cuidar da alimentação do seu Yorkshire, seja filhote, adulto ou idoso. Lembre-se sempre de considerar os fatores que influenciam a quantidade de ração necessária, como idade, peso e atividade física.

Um acompanhamento veterinário adequado também é fundamental para garantir a saúde do seu companheiro peludo.

Escolha com cuidado a ração ideal para o seu Yorkshire, dando preferência para alimentos de qualidade e com uma composição nutricional adequada para cada fase de vida.

E, acima de tudo, fique atento aos sinais de obesidade, que podem trazer sérias consequências para a saúde do seu pet.

Com essas dicas, você certamente proporcionará uma alimentação adequada e balanceada para seu Yorkshire, garantindo uma vida longa e saudável para o seu melhor amigo peludo.

Cuide bem dele e aproveite cada momento ao seu lado!

By Prof.ª Dr.ª Kelly Cristine de Sousa Pontes

Pós-doutora em Medicina, na área de Oftalmologia e Oncologia, pela Leiden University – Holanda e Doutora em Cirúrgicas e Anestésicas Aplicadas aos Animais, pela Universidade Federal de Viçosa

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *