cachorros perseguindo pessoascachorros perseguindo pessoas

Por que os cachorros perseguem pessoas que não gostam de animais

Por mais que os cachorros sejam animais de estimação populares, nem todos os indivíduos se sentem confortáveis perto deles. Algumas pessoas, em particular, podem notar que os caninos costumam persegui-las, mesmo sem motivo aparente.

Não é incomum perguntar por que isso acontece e como lidar com a situação. Neste blog, discutiremos alguns dos motivos pelos quais os cachorros podem perseguir pessoas que não gostam de animais.

Também abordaremos algumas técnicas que podem ajudar a lidar com essas situações de maneira segura e eficaz, sem prejudicar o cão ou a nós mesmos.

Se você é uma dessas pessoas que tem sofrido com esse comportamento, continue lendo para descobrir mais!

Por que os cachorros perseguem pessoas que não gostam de animais

Compreensão do comportamento canino

À medida que entendemos o comportamento dos cachorros, fica mais fácil entender por que eles podem perseguir pessoas. Cães são animais sociáveis ​​e territorialistas que usam diferentes formas de comunicação, como latidos, rosnares e movimentos corporais, para se interagir com outros cães e pessoas. Eles também têm um senso aguçado de audição e cheiro que pode ajudá-los a detectar a presença de pessoas e outros animais a uma grande distância. Isso os torna excelentes animais de guarda e companheiros leais.

jovem com sua cachorra
jovem com sua cachorra

Insegurança e medo em cães

Às vezes, cachorros podem se sentir inseguros ou ameaçados por pessoas que não gostam de animais. Isso pode acontecer por causa do comportamento ou atitude da pessoa, ou simplesmente porque eles não estão acostumados a estar na presença de pessoas não amigáveis. Quando os cachorros se sentem inseguros, eles podem demonstrar isso de várias maneiras, incluindo latidos agressivos, rosnados e perseguições. Eles podem fazer isso para proteger seu território, seus donos ou a si mesmos.

Aversão a pessoas

Alguns cachorros podem ter uma aversão natural a pessoas pelo simples fato de nunca terem sido expostos a elas. Se eles foram socializados apenas com outras pessoas amigáveis e animais domésticos, podem se sentir desconfortáveis ​​na presença de estranhos ou pessoas que não gostam de animais. Além disso, alguns cães podem ter experiências negativas com pessoas no passado, o que pode ter levado a uma aversão a elas.

Dominância e territorialidade

Cachorros são animais territoriais que podem se sentir ameaçados quando outras pessoas ou animais entram em seus territórios ou espaços pessoais. Quando um cachorro sente que sua posição como líder da matilha ou guardião está sendo desafiada, eles podem ser agressivos e perseguir pessoas para proteger seu território. Isso é especialmente verdadeiro para cachorros que são naturalmente dominantes ou territorialistas por natureza.

Traumas anteriores

Cachorros que sofreram traumas anteriores, como abuso ou negligência, podem ter um comportamento imprevisível em torno de pessoas. Eles podem ter medo de serem machucados novamente ou não confiar em ninguém, incluindo pessoas que não gostam de animais. Isso pode levar a problemas de comportamento, como latidos agressivos, rosnados e perseguições.

Treinamento inadequado ou falta dele

Por fim, alguns cachorros podem perseguir pessoas porque não foram treinados adequadamente ou foram treinados com maus hábitos. Eles podem não ter aprendido a importância de obedecer a comandos ou pode nunca terem sido socializados o suficiente com outras pessoas e animais. Sem um treinamento adequado, é mais provável que um cachorro desenvolva comportamentos agressivos e persiga pessoas.

cachorro com sua dona
cachorro com sua dona

Como lidar com cães que perseguem pessoas

Se você é uma daquelas pessoas que tem medo de cães e já foi perseguido por um, então sabe o quão aterrorizante pode ser a situação. No entanto, existem maneiras de lidar com esses cães, para que você possa se proteger e evitar ser perseguido novamente.

Evitando situações de risco

A primeira coisa que você deve fazer é evitar situações em que você possa encontrar esses cães. Se você sabe que há uma área em que esses cães costumam circular, evite essa área ou caminhe em outra direção. Se você se deparar com um cão agressivo em sua caminhada, evite a situação a todo custo.

Mantendo a calma e evitando contato visual

Quando um cão começa a perseguir você, é importante manter a calma e evitar contato visual. Isso pode soar contra-intuitivo, mas cães podem interpretar contato visual como uma ameaça. Mantenha-se calmo e siga em frente, evitando olhar diretamente para o cão.

Utilizando comandos verbais e gestos para afastar o cão

Se você precisar se defender de um cão, use comandos verbais e gestos para fazê-lo recuar. Comandos simples como “senta” ou “fica” podem ajudar a parar um cão agressivo. Gesticular para o cão com os braços cruzados na frente do corpo pode ajudar a criar uma barreira entre você e o animal.

Usando equipamentos de proteção pessoal

Se você sabe que provavelmente encontrará cães agressivos em sua rota, considere o uso de equipamentos de proteção pessoal, como um bastão, spray de pimenta ou mesmo um guarda-chuva. Mantenha esses equipamentos ao seu alcance em todos os momentos e saiba como usá-los adequadamente.

Buscando ajuda profissional de um adestrador

Se você ainda sente medo de cães ou se encontrou com um animal particularmente agressivo, pode ser útil procurar ajuda profissional de um adestrador. Eles podem ajudá-lo a lidar com sua fobia e a aprender técnicas de defesa pessoal para proteger-se de cães agressivos.

casal de namorados com seus cachorros
casal de namorados com seus cachorros

Em suma, lidar com cães que perseguem pode ser uma situação muito assustadora. No entanto, seguindo as dicas acima, você pode se defender de maneira eficaz e evitar ser perseguido novamente. A chave é permanecer calmo e lembrar que você está no controle da situação.

Conclusão

Por mais que possa ser desapontador e até causar medo, cachorros que perseguem pessoas que não gostam de animais podem ser um problema mais comum do que se imagina.

Felizmente, existem diversas abordagens para lidar com esse tipo de comportamento canino.

Compreender a razão por trás desse comportamento, que pode envolver insegurança, medo, aversão a pessoas em particular, dominância, territorialidade e traumas anteriores, é o primeiro passo para encontrar uma solução adequada.

Alguns cães também podem ser vítimas de um treinamento inadequado ou da falta dele.

Para lidar com um cão que está perseguindo você, é importante evitar situações de risco sempre que possível.

Caso o encontro seja inevitável, mantenha a calma e evite contato visual direto com o animal. Utilizar comandos verbais e gestos para afastá-lo também pode ser eficiente, assim como o uso de equipamentos de proteção pessoal.

Não hesite em buscar ajuda profissional de um adestrador, especialmente se você perceber que está lidando com um cachorro agressivo.

Lembre-se de que, muitas vezes, cachorros simplesmente querem brincar e socializar, então tente não levar suas tentativas de chegar perto de você como uma ameaça imediata.

Seja seguro e responsável em suas interações com esses animais e você estará equipado para enfrentar essas situações com mais tranquilidade.

By Prof.ª Dr.ª Kelly Cristine de Sousa Pontes

Pós-doutora em Medicina, na área de Oftalmologia e Oncologia, pela Leiden University – Holanda e Doutora em Cirúrgicas e Anestésicas Aplicadas aos Animais, pela Universidade Federal de Viçosa

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *