cachorro com sua dona

Os cães são animais incríveis que conquistaram nossos corações com sua fofura e lealdade. E, como bons donos, queremos proporcionar aos nossos animais de estimação o melhor possível.

Por isso, é importante compreendermos o que faz nossos cães felizes e o que eles precisam para ter uma vida saudável e feliz.

Recentemente, uma pesquisa revelou que cães preferem receber carinho em vez de elogios. Neste blog, vamos discutir essa pesquisa e entender por que os cães preferem carinho e como podemos demonstrar carinho aos nossos melhores amigos de quatro patas. Vamos lá!

Carinho ou elogios?

Sempre ouvimos falar de como é importante elogiar nossos cachorros para incentivar comportamentos positivos. No entanto, uma pesquisa recente revelou que eles preferem algo ainda melhor do que isso: carinho!

Contextualização da pesquisa

A pesquisa foi realizada por cientistas do grupo de pesquisa de comportamento animal da Western University, no Canadá. Eles examinaram como os cães reagiam a elogios verbais, cumprimentos físicos (com carinho) e recompensas (como rações e petiscos).

Como os cães foram testados?

O estudo foi realizado com cães que moravam com seus tutores há pelo menos seis meses. Em uma série de testes, os cães foram apresentados a dois objetos: um bichinho de pelúcia e um objeto de borracha. Depois de cheirar os objetos, os cães foram apresentados ao examinador, que elogiou-os verbalmente, acariciou-os ou deu-lhes um petisco. Em seguida, os cães foram autorizados a escolher um dos dois objetos.

mulher com seu cachorro
mulher com seu cachorro

Resultados da pesquisa

Surpreendentemente, a maioria dos cães escolheu o examinador que lhes deu carinho, não o examinador que falou palavras elogiosas ou lhes ofereceu petiscos. Os cães pareciam mais interessados no contato físico do que em outros tipos de recompensa.

Por que os cães preferem carinho?

Carinho é mais previsível:

Uma possível explicação para esse resultado é que o carinho é mais previsível para os cães. Enquanto os elogios podem ser confusos e sem contexto para eles, as carícias têm uma linguagem corporal clara e reconhecível. Além disso, o contato físico é uma forma natural de comunicação para os cães, que costumam se expressar com toques e lambidas.

Carinho é uma forma de contato físico:

Desde filhotes, os cães aprendem a importância do contato físico. Quando ainda estão com suas mães, eles se aquecem embaixo da barriga e buscam o toque para se sentirem seguros. Esse instinto de busca por contato físico é mantido durante toda a vida, e é por isso que os cães adoram abraços, carícias e colo.

Elogios podem ser confusos:

Por outro lado, elogios nem sempre fazem sentido para os cães. Muitas vezes, eles são usados fora de contexto (como quando o cão não entendeu um comando) ou em tom de voz que pode ser confuso para eles. Além disso, os cães não compreendem as palavras em si, mas sim a entonação e o contexto em que são usadas.

A importância do contato físico para os cães

Carinho ou elogios? Essa é a dúvida que muitos tutores de cães têm ao demonstrar afeto pelos seus pets. Uma pesquisa recente revelou que os cães preferem carinho a elogios. Mas por que será que eles gostam tanto desse contato físico?

cachorro sendo acariciado
cachorro sendo acariciado

Para entender a importância do contato físico para os cães, é preciso olhar para a natureza. Quando os filhotes nascem, a mãe os lambe para estimular a sua respiração e circulação. Além disso, ela também realiza essa limpeza para manter o ambiente livre de odores que possam atrair predadores. Essa lambedura também é uma forma de criar um vínculo entre mãe e filhotes desde os primeiros dias de vida. Assim, o contato físico é algo que faz parte da essência dos cães. Eles são animais que interagem muito através do toque.

Quando se aproximam de outros cães, é comum que se cheirem e encostem seus corpos para realizar uma saudação. Por isso, o carinho humano é tão valorizado pelos cães.

Além disso, o contato físico também é importante para o bem-estar dos cães. Quando um tutor acaricia seu pet, isso libera a ocitocina, também conhecida como “hormônio do amor”. Essa substância é responsável por reduzir o estresse e melhorar o humor tanto do cão quanto do tutor.

No entanto, é preciso lembrar que cada cão é único e pode ter preferências diferentes em relação ao carinho. Alguns gostam de receber carícias na barriga, enquanto outros preferem ter as orelhas ou a região do pescoço massageadas. Por isso, ao demonstrar carinho ao seu cão, é essencial observar sua linguagem corporal. Preste atenção nos sinais que ele emite, como dar lambidas, abanar o rabo ou inclinar a cabeça. Dessa forma, você pode entender quais são as áreas que mais gostam de receber carinho.

Em suma, o contato físico é uma forma essencial de demonstrar afeto aos cães. Além de estar presente na sua natureza, ele também traz benefícios para o seu bem-estar emocional e físico. Por isso, não hesite em dar carinho ao seu pet sempre que possível. Ele certamente irá adorar!

cachorro sendo acariciado
cachorro sendo acariciado

Como demonstrar carinho aos cães?

Como demonstrar carinho aos cães? Agora que sabemos que os cães preferem carinho a elogios, vamos aprender a demonstrá-lo de diferentes formas. Uma das formas mais simples de mostrar afeto é através de abraços e carinhos na cabeça e pescoço.

Alguns cães podem preferir ser acariciados nas costas ou na barriga, então é importante que você observe a reação do seu animal de estimação. Além disso, os cães gostam quando passamos tempo com eles.

Brincar juntos e dar atenção exclusiva ao seu cão são formas de demonstrar amor e afeto. Se você tem um tempo limitado, tente dedicar alguns minutos do seu dia para atividades que seu cão goste, como jogar bola ou brincar de cabo de guerra. Observar a linguagem corporal do seu cão também é importante para demonstrar afeto.

Quando seu cão levanta a cabeça e abana o rabo, ele está feliz e querendo atenção. Já quando abaixa as orelhas e a cauda, é um sinal de que ele está assustado ou desconfortável.

Em resumo, demonstrar carinho aos cães pode ser feito de diversas formas, como abraços, carícias, brincadeiras e observando a linguagem corporal. Lembre-se de sempre estar atento às reações do seu cão e dedicar um tempo de qualidade para ele todos os dias. Seu animal de estimação irá retribuir todo esse amor e carinho com muita lealdade e companhia.

Conclusão

Reforçando a importância do contato físico para a saúde emocional dos cães, é fundamental que os donos ofereçam carinho e atenção diariamente.

Não há nada mais importante para o bem-estar dos nossos amigos peludos do que o contato físico e emocional.

As dicas finais incluem observar a linguagem corporal do cão e oferecer carinho de diferentes formas, como brincadeiras e passeios juntos. É importante lembrar que cada cão tem suas preferências individuais.

Aumentar o contato físico não apenas aumenta o vínculo entre os cães e seus donos, mas também pode ajudar a aliviar o estresse e a ansiedade dos cães. Cuide bem do seu amigo peludo!